Fim da Liga para a Locomotiva Amarela

22308899_1671183276267159_4395909363028914930_n

Jaraguá Futsal está fora da Liga Nacional de Futsal 2017

Mesmo com o torcedor atendendo ao apelo e praticamente enchendo a Arena e fazendo melhor público da temporada, terminou de forma bastante melancólica a caminhada do Jaraguá Futsal na Liga Nacional 2017. Após terminar a primeira fase com a quinta melhor campanha da competição e sem perder para os quatro primeiros colocados, a “Locomotiva Amarela” acabou sendo superada pela equipe do Marreco na fase de oitavas de final.

Na primeira partida ainda em Francisco Beltrão no Paraná o Jaraguá foi derrotado pelo placar de 3 a 1 e com isso jogou neste sábado (07) com a necessidade de vencer o jogo no tempo normal para na prorrogação poder com um empate seguir para a fase de quartas de final. O jogo começou com um Jaraguá ansioso, o que é natural pela necessidade da vitória, mas esse sentimento fez com que a equipe perdesse uma série de gols. E aquela máxima do esporte, se fez verdade quando num escanteio o Marreco abriu o placar. O primeiro tempo terminou com a necessidade do Jaraguá fazer ao menos dois gols para virar a partida.

No segundo tempo a equipe chegou ao empate logo no começo com Keko, mas num novo vacilo em contra ataque o Marreco fez o segundo gol. O Jaraguá novamente precisou correr atrás do prejuízo e chegou ao empate com Oito Meia cobrando um pênalti sofrido por Márcio.

A equipe então partiu para o goleiro linha e com isso se expôs mais e num novo contra ataque do Marreco, o Jaraguá cometeu a sexta falta e no tiro livre o Marreco fez o terceiro gol. O Jaraguá visivelmente abatido, ainda acabou sofrendo o quarto gol do Marreco.

Final do jogo, Jaraguá dois, Marreco quatro. A equipe paranaense irá enfrentar o Corinthians pela nova fase da Liga Nacional, já o Jaraguá canaliza todas as suas atenções para a Divisão Especial do Catarinense e os Jogos Abertos. A boa notícia é que ao contrário do ano passado, já com a certeza de que o projeto futsal Jaraguá estará ativo e mais forte e planejado do que neste ano na Liga Nacional de Futsal 2018.


(Foto: Roberto Buchweitz)