Inscrições para o Prouni ocorrem de 6 a 9 de junho

bd7f67a2-6d19-495d-acfd-2bfde858d234

Expectativa do MEC é conceder cerca de 125 mil bolsas

As inscrições para concorrer a bolsas em instituições de ensino privadas pelo Programa Universidade para Todos (Prouni) podem ser feitas de 6 a 9 de junho.

No ano passado foram oferecidas 125.442 bolsas, sendo 57.092 integrais e 68.350 parciais, distribuídas em 22.967 cursos de 901 instituições privadas. A expectativa do Ministério da Educação é de que a oferta para 2017 seja semelhante.

As inscrições serão efetuadas em uma única etapa, até as 23h59 do dia 9 de junho, observado o horário oficial de Brasília. Só poderá participar do processo seletivo o candidato brasileiro que não tenha obtido diploma de curso superior que tenha feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) do ano passado.

O Prouni é voltado a alunos que cursaram o ensino médio com bolsa integral na rede particular e também para egressos do ensino médio da rede pública. Também estão incluídas as pessoas com deficiência e professores da educação básica em escolas públicas que compõem o quadro de pessoal permanente da instituição.

Condições

O candidato pode pleitear uma bolsa integral se sua renda familiar bruta mensal per capita não exceder a 1,5 salário mínimo. No caso da bolsa parcial, a renda familiar não pode ser maior que três salários mínimos.

Os candidatos são selecionados pelas notas no Enem. Na inscrição, será preciso informar, na ordem de preferência, até duas opções de instituição – com local de oferta, curso, turno das aulas e tipos de bolsa pretendido.

O ProUni possui ações conjuntas de incentivo à permanência nas instituições, com o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), que permite ao bolsista parcial financiar a parte da mensalidade não coberta.

Chamadas

O processo seletivo será constituído de duas chamadas sucessivas. Os resultados com a lista dos pré-selecionados estarão disponíveis na página do ProUni na internet. A primeira chamada será feita em 12 de junho, e a segunda está prevista para o dia 26 do mesmo mês.

O candidato selecionado deverá comparecer à respectiva instituição de educação superior para a comprovação das informações prestadas e a eventual participação em processo seletivo próprio, quando for o caso, no período de 12 a 19 de junho, na primeira chamada; de 26 a 30 de junho, na segunda chamada.

Para participar da lista de espera, o candidato deverá manifestar seu interesse na página do programa, entre 7 e 10 de julho. A lista estará disponível no Sisprouni, para consulta pelas instituições de educação superior, em 13 de julho. O candidato deverá comparecer à instituição e entregar a documentação no período de 17 a 18 de julho.

Ministério da Educação