Menina morre atingida por destroços após explosão de pneu

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

A polícia investiga o caso da menina de 13 anos que morreu na quinta-feira (13), após explosão do pneu de uma máquina motoniveladora, no balneário Cassino, em Rio Grande, Litoral Sul gaúcho. A máquina estava a serviço da prefeitura.

Geovana Xavier Barbosa tinha recém saído da escola e passeava com os amigos, quando foi atingida por uma parte do aro da máquina que estava do outro lado da rua.

A menina chegou a ser encaminhada ao posto de saúde do Cassino, mas não resistiu aos ferimentos. A expectativa é de que a perícia da máquina e do aro seja realizada ainda nesta sexta-feira (14). Os peritos do Instituto Geral de Perícias do Rio Grande do Sul (IGP) que atendem a região precisam se deslocar de Pelotas.

A Delegacia da Criança e do Adolescente investiga se houve má conduta do motorista ou negligência da empresa responsável pela manutenção da motoniveladora. O caso pode ser enquadrado como homicídio culposo, quando não há a intenção de matar.

A prefeitura, que contratou a empresa, disse que a licitação do serviço previa máquina em condições e operador habilitado. E informou que está dando apoio à família da menina com assistente social e psicólogo. As aulas na escola estadual Silva Gama, onde Giovana estudava no sexto ano, foram canceladas nesta sexta. As informações são da RBS TV.

motoniveladora

Pneu de máquina que estava a serviço da prefeitura explodiu, e destroços atingiram menina — Foto: Arquivo Pessoal/Alejandro Cardoso. 

Clique aqui e faça parte do grupo de WhatsApp da 94,3FM