Liga Nacional de Futsal terá 23 equipes na disputa

Divididas em três chaves, a principal competição nacional de futsal começará em março | Foto: Divulgação

A mais acirrada competição de futsal do mundo terá vinte e três equipes na disputa em 2021. Com início proposto para o final de março, a primeira fase terá as equipes divididas em três chaves. Uma delas com sete equipes e as outras duas com oito em cada.

As equipes são as seguintes: Do Rio Grande do Sul a ACBF (Carlos Barbosa), Assoeva (Venâncio Aires) e o Atlântico (Erechim). Do Paraná o Campo Mourão, o Cascavel, o Foz Cataratas (Foz do Iguaçu), o Marechal Rondon, o Marreco (Francisco Beltrão), o Pato Branco e o Umuarama.

De Santa Catarina o Blumenau, o Jaraguá Futsal, o Joaçaba, o Joinville Futsal e o Tubarão. De São Paulo o Corinthians, o Santo André, o Sorocaba e o São José (São José dos Campos).

De Minas Gerais o Minas (Belo Horizonte) e o Praia Clube (Uberlândia). Do Distrito Federal o Brasília Futsal e do Mato Grosso do Sul o Juventude (Dourados).

O Jaraguá Futsal na primeira fase terá pela frente as duas equipes finalistas da Liga 2020, o Sorocaba (atual campeão) e o Corinthians. Terá também como adversários o Joaçaba, o São José, o Santo André e o Umuarama.

Lembrando que na primeira fase, classificam-se as cinco equipes melhores colocadas em cada grupo e mais sexto melhor que avançam para os playoffs.

A “Locomotiva Amarela” agora comandada pelo técnico Fernando de Paula Malafaia, tem como principal novidade o fixo Alex Domingos da Roza, o Leco que volta a jogar pelo Jaraguá depois de dez temporadas e oito títulos conquistados no Joinville.