Covid-19: Guaramirim começa a aplicar segunda dose de reforço em pessoas com mais de 60 anos


A segunda dose de reforço da vacina contra a Covid-19 já está sendo aplicada em todas as pessoas a partir de 60 anos em Guaramirim. A aplicação da chamada quarta dose segue nova recomendação do Ministério da Saúde e da Secretaria de Saúde de Santa Catarina (SES), e deve ser realizada com intervalo mínimo de quatro meses a partir da primeira dose de reforço.

Segundo Nota Técnica divulgada pelo Ministério Saúde, a medida leva em conta “o cenário epidemiológico da pandemia da Covid-19, com elevada transmissão em muitos países, devida às subvariantes da variante ômicron com aumento de casos graves, hospitalizações e óbitos, observados principalmente em locais com baixas coberturas vacinais, atingindo principalmente idosos e imunocomprometidos”, afirma a Nota.

O Secretário de Saúde de Guaramirim, Marcelo Deretti, destaca que até o momento o crescimento do número de casos na cidade é somente de quadros leves da doença, e pede que a população compartilhe a informação. “As vacinas estão disponíveis em todas as Unidades de Saúde que têm sala de vacina, das 8h às 12h e das 13h às 16h. Precisamos do apoio de todos, que divulguem isso. A união de todos vai fazer nós sairmos mais rápido dessa pandemia”, declarou.

Dados brasileiros apontam para uma maior redução da efetividade da vacina contra a Covid-19 em pessoas acima de 60 anos de idade, fato que pode ser justificado pela perda natural de proteção em idosos com esquema vacinal completo (D1+D2+R1), especialmente a partir de quatro meses da última aplicação. Em países como os EUA, por exemplo, a segunda dose de reforço já é recomendada para maiores de 50 anos.

A Secretaria Municipal de Saúde enfatiza a importância da continuidade da adoção de medidas de prevenção, como distanciamento e uso de máscaras, entre os grupos mais vulneráveis.

Fonte: Prefeitura de Guaramirim