Identificadas as vítimas de desabamento de sacada em Itapema

Irineu Antônio Correa é uma das duas vítimas do desabamento em Itapema – Foto: Facebook/Divulgação

Foram identificadas as duas pessoas que morreram na manhã desta quinta- feira (14), após a sacada de um prédio desabar em Itapema, no Litoral Norte catarinense. De acordo com o IGP (Instituto Geral de Perícias de Santa Catarina), as vítimas são Irineu Antônio Correa e Wilson Buss, ambos de 58 anos. Os dois eram moradores de Itapema e estavam trabalhando na sacada do terceiro andar, retirando as escoras de sustentação da laje que caiu. O corpo de Irineu será transladado para Planalto (PR), onde será
velado na Casa Mortuária da cidade. Não há previsão do horário de sua chegada. Wilson Buss era natural de São Ludgero e também não foram divulgadas informações sobre sepultamento.

Investigações

A perícia apurou que uma obra de ampliação das sacadas do prédio era realizada, quando a laje superior da sacada do terceiro andar desabou, como consequência as outras duas também caíram. O laudo não tem prazo para ser concluído. Segundo o IGP, é difícil dizer quanto tempo levará, pois depende de vários fatores e o caso é bem complexo. Conforme informações dos socorristas, a dupla trabalhava no local fazendo a ampliação da sacada do terceiro andar de um prédio antigo, na rua 272, no bairro Meia Praia. O Corpo de Bombeiros informou que a edificação permanecerá interditada até que haja parecer favorável à desinterdição pela equipe de engenharia da Defesa Civil de Itapema. Segundo o diretor de Defesa Civil de Itapema, César Motta, a obra tinha autorização da prefeitura. O órgão deve avaliar se houve algum dano estrutural que possa colocar em risco a segurança dos moradores.

Fonte: ND