Fake News: Senador Dario nega acordo para a candidatura de Antídio


O Senador Dário Berger mobilizou seus assessores nas últimas horas para desmentir uma informação que definiu como “falsa” sobre sua possível desistência de ser candidato ao governo. A informação foi disseminada nos grupos de watts app e, em Jaraguá do Sul, foi publicada nos veículos de comunicação do prefeito.

A informação, definida como falsa pelo senador, destaca que Antidio Lunelli teria sido apontado como candidato único do partido e que os demais, abririam mão de suas pré-candidaturas em prol do nome do prefeito de Jaraguá do Sul. Dário Berger seria novamente candidato ao Senado e Celso Maldaner, presidente do MDB, seria candidato a vice.

Em reportagem do Portal SC Em pauta, Berger chegou a dizer que “a informação é mentirosa e irresponsável”. O senador foi além, ao afirmar que antes de tomar qualquer decisão, falará com o grupo político que o apoia.

Nos grupos do MDB, Berger chamou a informação de “notícias falsas” ou “fake News”. Veja abaixo:

“Prezados correligionários.
Com relação a definição das candidaturas majoritárias no MDB, esclareço/informo:
Estamos conversando e analisando os cenários.
Nao tem um pingo de verdade a hipótese de definição de candidatura a Governador, muito menos de Vice e Senador.
Trata-se de notícias falsas. (Fake News)”.

Em outra nota encaminhada pela sua assessoria, o senador destaca que as informações são falsas e improcedentes. Acrescentou que “não há um pingo de verdade” quando se fala em candidaturas definidas ao governo do estado, a vice ou ao senado.

Veja abaixo a nota de Dário:

“Com relação às candidaturas majoritárias no MDB, esclareço/informo:

NÃO HÁ DEFINIÇÃO DE CANDIDATURA do MDB a governador, muito menos de vice e senador. Não há um pingo de verdade nisso.

Na condição de pré-candidatos do partido, estamos analisando os cenários e fortalecendo o diálogo na busca de um entendimento e construção de um projeto político viável e que atenda as expectativas de Santa Catarina e dos catarinenses. 

Reitero: NÃO EXISTE DEFINIÇÃO ALGUMA e, quando a decisão for tomada, independente de qual seja, em respeito ao Diretório Estadual do partido, às lideranças e às bases emedebistas, estes serão os primeiros a saber.

Portanto, as notícias que circulam com essas afirmações, NÃO PROCEDEM, SÃO FALSAS!

Dário Berger”